domingo, 22 de fevereiro de 2015

Resenha: Livro Gladiador - A luta pela liberdade

Ola pessoal tudo bem? Espero que sim....

Hoje com muita alegria lhes trago a primeira resenha de livro conforme o prometido.
O livro que li primeiro para resenha foi o "Gladiador -  A luta pela liberdade" do autor Simon Scarrow.


Bom a capa do livro é linda, é fosca com detalhes brilhantes e as letras em alto relevo.
Logo no abrir da capa tem uma linda frase do livro que adorei, e nas terceiras e quartas  folhas um mapa que mostra onde o principal personagem fez sua jornada durante a historia.




Na contra capa inicial tem um pequeno resumo do livro, e na contra capa final um pouco do autor.




Bom vamos para a melhor parte que é a história....

O livro conta  a historia Marcus, um garoto de 10 anos filho de um centurião aposentado e de uma ex-escrava com quem seu pai se casou.
Seu pai Titus após ser dispensado da legião, adquiriu uma fazenda para viver com sua esposa que no inicio era uma escrava que ele escolheu como recompensa por ter salvo a vida do general Pompeius. Após alguns anos ele adquiriu uma divida com um ex soldado Decimus que foi dispensado por causa de um ferimento na perna que o Titus havia concedido em uma falsa luta para ver quem era melhor soldado e merecedor de ser um centurião, onde não teve piedade em cobrar a divida e seus juros. Na ultima cobrança assassinou o Titus e fez como escravos a sua esposa Livia novamente e seu filho Marcus.
No transporte de Livia e Marcus para outra cidade onde ficava a fazenda de Decimus eles conseguiram escapar, mas sua mãe acabou torcendo o pé correndo e não conseguiu ir mais além mas implorou para Marcus fugir e encontrar o General Pompeius para cobrar o favor que ficou devendo ao Centuriao Titus por ter salvo sua vida. Ai começa a jornada de Marcus.

Marcus em uma de suas jornadas acabou sendo preso em um navio por ter roubado a comida de um marujo por estar com fome e ter desafiado o mesmo. Mas no mesmo navio esta um homem que recrutava escravos para treina-los para serem gladiadores.

Ao chegar na escola de gladiadores começa a verdadeira batalha de Marcus, ou ele aceitaria a condição de ter se tornado um escravo e treina para se tornar o melhor gladiador ou morreria por tentar fugir da escola.

Na entrada da escola Marcus e os outros escravos foram recebidos pelo Porcino o treinador da escola.

" - Este é o seu novo lar ... Este é o unico lar que vocês tem de agora em diante. Seu local de origem não é mais do que uma lembrança e será mais facil se tentarem esquecer a vida passada. Tudo isso morreu para vocês agora. Tudo o que resta é aprender a lutar e sobreviver. Se dominarem essas habilidades, poderão viver por muitos anos, e alguns de vocês poderão ganhar a liberdade um dia. Não vou fingir e dizer que as chances estão ao seu lado. Não estão..."

"Pelleneus (escravo junto com Marcos) ficou com pena dele.
- Marcus, você é um escravo agora. Melhor se acostumar com essa ideia o quanto antes. Se ficar sentado ai sonhando com a resistência e fuga, só vai tornar a vida ainda pior para você... Ouça o que digo: a melhor coisa que você tem a fazer é aceitar que o passado morreu. Olhe para o futuro. Permaneça vivo e, um dia, ganhe sua liberdade. É tudo o que lhe importa agora..."

Marcus mesmo assim não quis aceitar os conselhos de Pelleneus, mas aos poucos foi aceitando a fim de se tornar um gladiador para vingar a morte de seu pai e a escravidão de sua mãe.

Sua estadia na escola de gladiadores, foi difícil e dolorosa, mas Marcus passou por lá de cabeça erguida e determinado a ganhar sua liberdade.
Na sua primeira luta de treinamento com seu rival na escola Ferax eles tinham um Senhor os observando onde compraram os dois para um espetáculo particular.
Marcus viveria sua primeira luta como gladiador, e teria apenas cinco dias para ser treinado e pronto para o combate, teria que sair vivo para poder ajudar sua mãe.

Marcus se empenhou o máximo que pode e ficou a noite anterior ao combate em claro, devido a ansiedade. A cada luta Marcus se desesperava mais, ao ver que sua hora estava chegando. Mas seu empenho foi recompensado e Marcus venceu o combate contra Ferax mesmo sem mata-lo e ainda o combate com lobos por desobedecer e não matar Ferax no combate. Bom gente, mais detalhes da luta e da jornada de Marcus vocês encontraram no livro porque sua historia não parou ai, tem muito mais emoção e surpresas.

Minha opinião:

Pessoal como já disse a posts anteriores, nunca fui fã de leitura, mas este livro me chamou muito a atenção, pensei que não iria me interessar por ele, mas no entanto, ele me prendeu de tal maneira que enquanto não vi o fim dele não fiquei feliz, adorei a emoção que o livro passa e a riqueza de detalhes. Você vai lendo o livro e já vai imaginando as cenas, é muito bom, é como se você estivesse assistindo um filme, e ouvindo as vozes dos personagens. A cada acontecido era uma emoção maior, um suspense maior, uma vontade de saber o que aconteceria mais a frente.
Adorei o livro, super recomendo ele.

Bom pessoal por hoje foi só espero muito que tenham gostado, bjs e até o próximo.